Coordenadora Pedagógica

Coordenadora Pedagógica
Coordenadora Pedagógica Maísa

domingo, 29 de maio de 2011

OS PINGOS E AS CORES

Colegas, no Projeto Os Pingos sugeri quatro livros. Já postei: O Aniversário, Que Bicho Será, Que Barulho é Este? E hoje estou postando o quarto livro, Os Pingos e as Cores, é um livro lindo, tenho certeza que as crianças vão gostar e aprender muito com ele, como gostaram e aprenderam muito com os outros.
Aprender a ler com os livros de Mary e Eliardo França é muito prazeroso e com as aventuras dos Pingos é certeza de sucesso, porque a arte de Eliardo com suas cores e formas encanta o pequeno leitor e o texto da Mary é enxuto, expressivo e em letra bastão ou caixa alta motiva e facilita a leitura.
Depois de conhecer a turma dos Pingos com sua diversidade de cores e atributos e suas divertidas aventuras na descoberta do mundo, é impossível o leitor não querer mais uma dose de leitura. É ler para aprender a ler e a gostar de ler!
Uma única forma, sete cores e sete atributos, definem Os Pingos. São diferentes na cor (vermelho, laranja, amarelo, verde, azul celeste, azul anil e violeta), no nome (Pingo-de-Céu, Pingo-de-Fogo, Pingo-de-Ouro, Pingo-de-Sol, Pingo-de-Mar, Pingo-de-Lua, Pingo-de-Flor) e no jeito de ser (um é coração, outro é aventura, outro só alegria e outro sabedoria, outro só música no violão, outro é sono e outro só comida saudável), mas todos são iguais na forma e na disposição para viver e fazer história. Já fizemos várias atividades, colorimos, jogamos. Que tal agora criar músicas com Os Pingos? Mas enquanto a criatividade não chega, sugiro a música da Xuxa, Arco- Íris, Composição : Michael Sullivan, Paulo Massadas, Ana Penido.
Por que...
“Toda cor têm em si uma luz uma certa magia
Toda cor têm em si emoções em forma de poesia.”

Conheçam o LIVRO e as ATIVIDADES que preparei para trabalharem com as suas turmas.


segunda-feira, 23 de maio de 2011

QUE BARULHO É ESTE?

A maneira mais eficaz de trabalhar a leitura na escola desde a Educação Infantil é mostrar que ler não é apenas uma atividade escolar mecânica e descontextualizada, mas sim uma atividade vital, que precisa ser, desde cedo, plena de significação. A leitura é essencial em todas as etapas da vida. O pequeno leitor é crítico, interage com as histórias e isso é muito importante para o seu crescimento. A infância precisa ser vivida em toda a sua plenitude e esses livros buscam principalmente isso. É compensador sabermos que, através da leitura desses livros, os pequeninos estejam resgatando a inocência, o sonho e a fantasia.
Por isso estou postando mais um livro, QUE BARULHO É ESTE? Escrito numa linguagem agradável e cativante de uma apaixonada pela leitura, como nós, Mary França.
Que barulhos são estes, em plena madrugada, que fazem Os Pingos passar a noite acordados?
Conheçam o LIVRO e as ATIVIDADES que preparei para vocês colegas trabalharem com as suas turminhas.

domingo, 22 de maio de 2011

ATIVIDADES LÚDICAS COM OS PINGOS

Colegas, como sabemos o trabalho bem orientado pelos educadores demonstra de maneira inovadora a importância das atividades lúdicas nas praticas educativas da alfabetização.
A evolução da leitura e da escrita, tendência natural, expressiva e criativa da criança, pode ser facilitada pelo educador por meio de atividades lúdicas como apoio ao processo de aquisição da linguagem escrita e falada. Jogar e brincar são atividades que, bem orientadas certamente, contribuirão no desenvolvimento da psicomotricidade no contexto do processo escolar.
Durante os jogos e brincadeiras, as crianças adquirem diversas experiências, interagem com outras crianças, organizam seu pensamento, tomam decisões, observam regras, desenvolvem o pensamento abstrato e criam maneiras diversificadas de jogar, brincar e produzir conhecimentos.
Nesse sentido, os jogos e as brincadeiras são instrumentos pedagógicos importantes e determinantes para o desenvolvimento da criança, pois no jogar e no brincar as mesmas desenvolvem habilidades necessárias para o seu processo de alfabetização e letramento.
Para auxiliar os alunos podemos construir jogos, como: memória, trilha, dominó, baralho, bingo, entre muitos outros.
Como estamos trabalhando Os Pingos estou postando sugestões de jogos com essas criaturas maravilhosas e enriquecedoras.

terça-feira, 10 de maio de 2011

DADOS DA AULA COM O LIVRO “VAMOS ABRAÇAR O MUNDINHO”

Para que a nossa prática tenha sucesso, o trabalho deve ser norteado pelo planejamento das ações que permitirão descobrir o que o estudante já sabe e o que precisa saber para desenvolver-se.
Delineei alguns caminhos como alternativa e apoio aos trabalhos em sala de aula e deixar a turminha envolvida e motivada para esse assunto tão importante. Que tal começar com o Jogo do Meio Ambiente e Um Mapa Conceitual, para levantar os conhecimentos prévios dos alunos sobre o tema.
Quer conhecer, é só clicar Aquí.

sábado, 7 de maio de 2011

VAMOS ABRAÇAR O MUNDINHO

Autora:INGRID BIESEMEYER BELLINGHAUSEN Editora:DCL
Era uma vez um mundinho...
Lá viviam homenzinhos que faziam de tudo para deixá-lo feliz, pois sabiam como ele era importante.
E o mundinho ficava ainda mais feliz.
Todos de mãos dadas num grande e forte abraço....
Precisamos plantar a semente da conscientização desde já, para que as crianças de hoje sejam os conscientes adultos de amanhã.
Se todos fizerem um pouquinho, poderemos contribuir um montão para o mundo!
Preservar também é coisa de criança abraçaremos esta causa em busca de um planeta mais saudável.
Vamos Abraçar o Mundinho, um livro que propõe uma conscientização em defesa da natureza. É um excelente texto para o primeiro contato dos alunos com uma alfabetização para Educação Ambiental.
Vivemos em um mundo em que é preciso “cuidar” do meio ambiente.
O que podemos fazer para cuidar melhor do nosso planeta e conseqüentemente termos uma melhor qualidade de vida?
Escolhi para trabalhar esse conteúdo o livro Vamos Abraçar o Mundinho de Ingrid Biesemeyer Bellinghausen. O livro é uma gracinha, tem uma linguagem clara ao abordar assuntos tão importantes como economia de energia, coleta seletiva do lixo, reflorestamento e muito mais, é minha gente... o livro tem conteúdo.
No mundo moderno as coisas evoluem rapidamente e a natureza acaba sendo degradada em nome do progresso. Dar as mãos e fazer um trabalho em conjunto para a melhoria da saúde de nosso planeta é como um verdadeiro abraço que, se for dado com carinho pelas crianças, possibilitará a essa geração ter uma vida mais feliz e saudável e ao mundinho também.
O que fazer para vivermos bem no mundo e preservar a vida? Ingrid Biesemeyer Bellinghausen, com sua arte cheia de cores e texto delicado, apresenta soluções ao alcance de todos, como economia de água, reciclagem e cuidado com os animais e as matas. Cada um ajudando um pouquinho, de mãos dadas, é possível abraçar e proteger o mundinho.
Nós já começamos e você? Quer ver as atividades? Clique aquí